dez
17
2014

Ronaldo Vaqueiro – Laços de Ouro

Publicado por José Lessa

Ronaldo Vaqueiro - Laço de Ouro

Colaboração: Ronaldo Vaqueiro – para o acervo de www.forroalagoano.com – Conversão para mp3 ee texto – José Lessa.

Ronaldo Vaqueiro - Laço de Ouro - verso

Ronaldo Vaqueiro – Laços de Ouro
Produção Independente – 2014

01. Debaixo de jambeiro (Ronaldo Vaqueiro)
02. Cadê aquele amor (Ronaldo Vaqueiro)
03. O telefone tocou (Ronaldo Vaqueiro)
04. Na palhoça (Ronaldo Vaqueiro)
05. Saudade matadeira (Ronaldo Vaqueiro / Alberto Germano)
06. Corrida de argolinha (Ronaldo Vaqueiro / Alberto Germano)
07. Sonho de vaqueiro (Ronaldo Vaqueiro)
08. Sou assim mesmo (Ronaldo Vaqueiro)
09. Seu locutor (Ronaldo Vaqueiro)
10. Vejo sela pendurada (Ronaldo Vaqueiro)
11. A usina temoendo (Ronaldo Vaqueiro)
12. A mulher da minha vida (Ronaldo Vaqueiro)
13. Coisa mais linda (Ronaldo Vaqueiro)
14. Marca do tempo (Ronaldo Vaqueiro)
15. Invernada boa (Ronaldo Vaqueiro)

Para baixar este CD. Clique aqui.

dez
16
2014

Os 3 do Brasil – Agora Sim

Publicado por José Lessa

Os 3 do Brasil - Agora sim - capa

Colaboração Chico Santos – faz parte do acervo pessoal. Conversão para mp3 e texto – José Lessa

Esta é mais uma colaboração que nos foi enviada por Chico Santos, cantor e compositor de Santana do Ipanema, atualmente residindo em Carneiros Alagoas.  Chico é amigo de Benício Guimarães, também nascido em Santana e atualmente residindo em Poço das Trincheiras-AL.

Os Três do Brasil tinha em sua composição dois alagoanos, Durval Vieira que faleceu recentemente e um dos maiores compositores do forró pé de serra, principalmente o duplo sentido e Benício Guimarães, sanfoneiro de primeira, cantor e fenomenal compositor. Benício é uma das reservas do puro forró nordestino

Os 3 do Brasil - Agora sim - verso

Os 3 do Brasil – Agora Sim
Nortson – 1977

01. Macaco me lamba (Benício  Guimarães)
02. O sapo bidú (Durval Vieira)
03. Côco do C (Benício  Guimarães)
04. O Zé falou (Benício  Guimarães)
05. Homenagem aos pescadores (Benício Guimarães)
06. Vamos aproveitar (Benício Guimarães)
07. Me chamam de cão condenado (Benício Guimarães)
08. Côco do convite (Benício Guimarães)
09. A mistura (Benício  Guimarães)
10. Foi sim (Benício  Guimarães)
11. Os quitutes da Maria (Benício Guimarães)
12. Terra dos marechais (Benício  Guimarães)

Par baixar este disco. clique aqui.

dez
16
2014

Belinho – O Belo das Vaquejadas

Publicado por José Lessa

Belinho - O Belo das Vaquejadas

Colaboração – Belinho – Para o acervo de www.forroalagoano.com – conversão para mp3 e Texto José Lessa.

Belinho é mais outro grande nome de Palmeira dos Índios, a terra do DNA do forró, Belinho é irmão do grande sanfoneiro Irineu Nicácio uma das maiores figuras viva do forró alagoano.

Belinho - O Belo das Vaquejadaqs - verso

Belinho – O Belo das Vaquejadas
Produção Independente – 2014

01. Mulher quartuda
02. É pra la que eu vou
03. Amor proibido
04. Fio de cabelo
05. Amigos
06. Falar com ela
07. Bebendo todas
08. Festa boa
09. Amor a primeira vista
10. Nordeste amado
11. U bebum (O Ébrio a mais)
12. Telefone mudo
13. Não vou te perdoar
14. Sai solidão
15. Liga pra mim
16. Mulher covarde
17. Chora me liga
18. Boi no vaqueiro
19. O bom vaqueiro

Para baixar este CD. Clique aqui.

dez
14
2014

13 de Dezembro – Dia Nacional do Forró

Publicado por José Lessa

Gonzaga (4)

Sancionada no dia 6 de setembro de 2005, a Lei 11.176 expõe em seu art. 1º que fica instituído o dia 13 de dezembro como o “Dia Nacional do Forró”, em homenagem à data natalícia do músico Luiz Gonzaga do Nascimento, o “Rei do Baião”.

Clemilda (4)Robertinho dos 8 Baixos e Clemilda

Esta lei, que entrou em ficou na data de sua publicação, ou seja, em 08 de setembro de 2005, quando foi publicada pelo Diário Oficial da União, é uma data muito importante para os nordestino, pois além de homenagear “O Rei do Baião”, Luiz Gonzaga, nordestino de Exu, município de Pernambuco, homenageia também a cultura nordestina, tão bem representado pelo forró pé de serra.

GERSON FILHO PRESENTE A COSTA - BOA
Luiz Gonzaga, um dos ícones desse gênero musical, também gravou compositores alagoanos, a exemplo de Dr. Marcondes Costa e Gerson Filho, outra ferra do forró pé de serrá, que assim como Gonzaga, já não esta mais entre nós, mas sua música continua viva e será eterna na Música Popular Nordestina.

Juvenal - Zinho - Cara Veia

 Juvenal Lopes, Mestre Zinho e Kara Veia

Aproveitamos a oportunidade para parabenizar a todos os forrozeiros, em especial aos alagoanos, aos músicos, cantores, compositores, proprietários de casas de show voltadas para o forró pé de serra, a exemplo do Cortiço, Forró do Rafael e Forró do Louro , aos frequentadores das noitadas de forró, aos radialistas, a exemplo dos queridos Romildo Freitas, Humberto Maia, Farinha Quebradinha, emfim a toda família forrozeira.

DSC00924

DSC00922DSC008292
VIVA 13 DE DESEMBRO!!!
VIVA O DIA NACIONAL DO FORRO!!!