Clemilda


dez
01
2014

21 - clemilda

O preste trabalho intitulado de Morena dos Olhos Pretos em comemoração aos 50 anos da carreira de Clemilda, foi produzido pelo Museu da Gente sergipana, com o patrocino do governo do Estado de Sergipe e do Instituto Banese. Com a postagem desta terceira parte estamos completando este belo trabalho sobre a vida desta alagoano que honrou o genuíno forró pé de serra que os sergipanos magnificamente adotou este casal genial como representante das mais pura tradições nordestina.

22 - Clemilda

 23 - clemilda24 - clemilda
25 - clemilda26 - clemilda
27 - clemilda28 - clemilda29 - clemilda30 - clemilda31 - clemilda32 - clemilda33 - clemilda

Para baixar.  Clique aqui.

nov
29
2014

50 Anos Clemilda – 2ª Parte

Publicado por José Lessa

11 - clemilda

Conforme anunciamos ontem, estou publicando a 2ª parte do  trabalho produzido pelo Museo da Gente Sergipana em comemoração aos 50 anos da carreira da Rainha Clemilda que produzido sob a direção de Ezio Deda, que nos foi presenteado poe Iranei Barreto do IZP  – Instituto Zumbi dos Palmares.

12 - clemilda

13 - clemilda

14 - clemilda

15 - clemilda

16 - clemilda

17 - clemilda

18 - cle4milda

19 - clemilda

20 - clemilda

Amanhã estaremos publicando a terceira parte deste magnifico trabalho dedicado aos 50 anos da carreira desta genial artista alagoano, patrimônio do povo brasileiro.

Viva  Clemilda

Viva o forró pé de serra.,

 Para baixar. Clique aqui.

nov
28
2014

1- CAPA

Infelizmente ontem devido a problemas técnicos não podemos informar aos amigos que a patrona do nosso site faleceu em Aracaju nas primeiras horas do dia 26 de novembro. Clemilda Ferreira da Silva nasceu no dia 01 de setembro de 1936 na cidade de São José da Lage em Alagoas, porém viveu sua infância e adolescência em Palmeira dos Índios. Clemilda conheceu Gerson Filho com que se casou e viveram durante 28 anos.

2- CONTRA CAPA

No transcorrer desta semana estamos publicando o trabalho realizado pelo Museu da Gente Sergipana em comemoração pelos 50 anos de sua carreira artística, bem como outras publicações sobre a vida da Rainha do Forró, que infelizmente foi se encontrar com Gerson Filho e outros geniais artista que contribuíram decisivamente para a consolidação do Forró como um movimento musical que continua encantando as novas gerações, assim como encantou  a nossa geração, que tivemos o prazer e a honrar de ter crescido ouvido  sua música e que através deste site continuamos levando sua música e de seu companheiro para que as novas gerações possa imortalizá-la,regravando seus grandes sucessos.

4 - MORENA

A presente publicação nos foi presenteada pela amiga Iranei Barreto, produtora musical do IZP – Instituto Zumbi dos Palmares (Rádio Difusora, FM e TV Educativa) e grande admiradora de Clemilda. Aproveito o momento para externar em nome de todos os alagoanos, nordestinos e brasileiros, a nossa dor pela partida de artista que cantou Alagoas e principalmente o nordeste brasileiro.

9 - CLEMILDA

A presente publicação foi dividida em três partes.Aproveitamos para agradecer aos sergipanos por tão bela manifestação de carinho, amor e por terem acolhido Clemilda e Gerson Filho como patrimônio também do povo sergipano.

10 - CLEMILDA

Viva Clemilda

Viva o Forró Pé de Serra.

Para baixar. Clique aqui

 

set
22
2014

Clemilda – 50 Anos de Carreira

Publicado por José Lessa

Clemilda - 50 anos de Carreira

Colaboração: Iranei Barreto – para o acervo de www.forroalagoano.com – Conversão para mp3 e texto José Lessa.

Clemilda Ferreira da Silva, completou este ano, 50 anos de Carreira e 79 anos de idade, no dia 01 de setembro, e como parte das homenagens prestadas pelos sergipanos, terra que acolheu esta alagoana nascida em São da Laje, que viveu sua infância e adolescência na Cidade de Palmeira dos Índios. Gerson e Clemilda  fixaram sua residência juntamente com seus filhos, Robertinho dos 8 Baixos e Adeilton.em 1969 em Aracaju.

O CD Clemilda “Morena dos olhos Pretos” é uma coletânea composta por 18 composições, sendo 9 da primeira fase de sua vitoriosa carreira e as outras 9 da segunda fase. Entre as faixas de destaque vale ressaltar  “Morena dos Olhos pretos,” homenagem prestado por seu amado Gerson Filho e que também leva a assinatura do magnifico J. Luna.

Há certa de dois anos em uma de nossas conversar Clemilda disse que: “Gerson Filho foi a coisa mais importante que aconteceu em minha,vida, Eu não sabia o que poderia ter acontecido sem ele ao meu lado”. E, em morena dos olhos pretos da para sentir o amor que Gerson sentia por nossa RAINHA.

“Morena dos olhos pretos

Linda igual não pode haver

Você é a flor mais bela

Que cheguei a conhecer

Quando meu olhos te viram

Senti meu corpo tremer

Daquela hora em diante

Senti amor por você …”

Outra faixa que merece ser ouvida é a homenagem que os alagoanos Gerson Filho e Juvenal Lopes presta ao povo sergipano em “Exaltação a Sergipe” que tão bem soube acolher este casal que escreveram parte significativa da história do Forró Pé de Serra.

Parabéns aos companheiros do Museu da Gente Sergipana por está bela homenagem a nossa “Rainha Clemilda” patrimônio vivo dos alagoanos e sergipanos, ou melhor do Povo Brasileiro.  Continuamos fazemos uma corrente de fé para que nossa Rainha se recupere o mais breve possível.

Clemilda - 50 anos de Carreira - verso

Clemilda – 50 Anos de Carreira
Museu da Gente Sergipana – 2014

01. Saudades de Propriá (Dílson Dória – Albuquerque)
02. Forró Sem Briga (Amadeu Macêdo – Garcia Santos)
03. Recado a Propriá (Domingos Vassoral – Gerson Filho)
04. Rodêro Novo (Clemilda – Gerson Filho)
05. Morena dos Olhos Pretos (Gerson Filho-J. Luna)
06. Guerreiro Alagoano (A. Trajano)
07. Beata Mocinha (Manoel Araújo – Jota Renato)
08. Exaltação a Sergipe (Juvenal Lopes – Gerson Filho)
09. Reisado a São José (Raymundo Monte Santo)
10. Prenda o Tadeu (Antonio Sima – Clemilda)
11. Forró Cheiroso (Miraldo Aragão – Clemilda)
12. Bilhete pra Comadre Dinha (Miraldo Aragão – Clemilda)
13. Recado pra Zetinha (Miraldo Aragão – Clemilda)
14. Seu Tuzinho (Durval Vieira)
15. Cabeludo Zé Mané (Durval Vieira)
16. Ele Furou Minhas Botas (Durval Vieira – Clemilda)
17. Ele Furou Minhas Botas (Durval Vieira – Clemilda)
18. Pedreira do Riacho (Durval Vieira)

Para baixar este CD. Clique aqui.